Geração solar distribuída chega a 6 GW no Brasil

Geração solar distribuída chega a 6 GW no Brasil

(confira nossos preços em www.cineshop.com.br)

Com 518 mil sistemas conectados à rede, GD atraiu investimentos de R$ 30,6 bilhões desde 2012.

A geração solar distribuída chegou a 6 GW de potência instalada no país, segundo mapeamento da Absolar – Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica. De acordo com a entidade, as micro e miniusinas de até 5 MW, instaladas em residências, indústrias, comércios, prédios públicos, propriedades rurais e empresas de serviços, totalizam 518 mil sistemas conectados à rede, em mais de 652 mil unidades consumidoras.

Para chegar a esse patamar, segundo a Absolar, foram investidos mais de R$ 30,6 bilhões desde 2012, investimentos que geraram 180 mil empregos acumulados no período, em todas as regiões do Brasil.

Mesmo com os números positivos, a associação considera que o país está atrasado no uso dos recursos solares. Isso porque, dos mais de 87 milhões de consumidores de energia elétrica do País, menos de 0,7% conta com sistemas fotovoltaicos para gerar sua própria eletricidade.

Segundo o levantamento da Absolar, a fonte está presente em mais de 5300 municípios e em todos os estados brasileiros, sendo os estados líderes em potência instalada Minas Gerais (1.066 MW), São Paulo (752 MW), Rio Grande do Sul (743 MW), Mato Grosso (450 MW) e Paraná (341 MW).

Com mais de 99% das instalações de geração distribuída do País, os sistemas fotovoltaicos são principalmente adotados por consumidores residenciais, com 75,2% do total de conexões. Em seguida, aparecem as empresas dos setores de comércio e serviços (15,2%), consumidores rurais (7%), indústrias (2,2%), poder público (0,3%) e outros tipos, como serviços públicos (0,03%) e iluminação pública (0,01%).
Em potência instalada, as residências lideram com 40,7% da potência instalada no país, seguida pelas empresas dos setores de comércio e serviços (36,6%), consumidores rurais (13,2%), indústrias (8,3%), poder público (1,1%) e outros tipos, como serviços públicos (0,1%) e iluminação pública (0,02%).

 

Fonte: Arandanet